quarta-feira, 11 de maio de 2016

Amor eterno amor


 

Ainda que eu falasse a língua dos homens, e falasse a língua dos anjos, sem amor, eu nada seria.
(Paulo de Tarso)

Irmãos,

Compreende-se que do amor existimos e do amor evoluímos e eternizamos, não há outra formula senão o caminho da virtude que nos envolve no grande espetáculo que formamos segundo a vontade do Criador.

Concebido é o homem da inteligência capaz de transformar um período e mesmo uma vida em elementos essenciais para o progresso de toda uma sociedade. O grande laboratório da vida permite-nos que avancemos em direção a salvação com as facilidades que herdamos de irmãos que dedicam a sua capacidade a favorecer sua comunidade.

As obras que dedicamos com amor serão perpetuados na sociedade e em nossa alma, aonde muitos poderão herdar com proficiência os feitos de suas realizações. E aquilo que prontificarmos a fazer havemos de exercê-la com sabedoria, boa vontade e satisfação, caso contrario o trabalho poderá ser comprometidos na sua intensão, pois naquilo que nos comprometemos, e executarmos com rancor, egoísmos, inveja, cólera, má vontade, desdém, preconceito, mentira e zombaria nada será qualitativo nesta obra o que viciará uma sociedade no dessabor da oferta.

Os desafios em viver o estágio obrigatório da encarnação nos mostra o exercício da tolerância frente à adversidade evolutiva em que todos haverão de vivenciar sem privilégios exclusivos, assim como o Mestre Jesus, que passou pela encarnação terrena enfrentando toda cólera e miséria humana daquele tempo, mas provou-nos que no amor tudo podemos e tudo vencemos.

E para assegurar a vitória contra as ações maléficas em toda sua instancia havemos de resistir às tentações assim como fez o Cristo, até mesmo resistir o próprio impulso em se aventurar aos prazeres que levarão a uma satisfação instantânea, mas ao arrependimento eterno conforme a proporcionalidade do seu mergulho.

Para se alcançar este patamar evolutivo é preciso ter força de vontade, fé e o conhecimento da vontade do altíssimo fazendo a sua vontade e não somente a nossa, ouvir a voz do coração aonde ecoa o Mestre que nos ama a expressar em sua voz as obras efetivas de nossa vida.

Bezerra de Menezes, escrito pelo médium Marcelo Passos.
11/05/2016.



Nenhum comentário:

Postar um comentário