sexta-feira, 10 de julho de 2015

O Criador



Para crer-se em Deus, basta que se lance o olhar sobre as obras da Criação. O Universo existe, logo, tem uma causa. Duvidar da existência de Deus é negar que todo o efeito tem uma causa e avançar que o nada pôde fazer alguma coisa. (Allan Kardec).

Para muitos quem é Deus? Qual é a sua imagem? O que quer de nós? Realmente será que ele existe?  São muitas as perguntas que movem a consciência em busca de uma manifestação a querer ter a sua crença preservada e manifestada na concepção de muitos neste universo.

Ver para crer não é o sentido que busca as respostas necessárias para tomar a si a ferramenta das possibilidades e cumprir para com os designíos divinos. O sentido de existir e o ambiente em que estamos já nos traz a certeza de uma existência maior regendo o universo ao qual temos papel fundamental no plano sagrado.  As habilidades e as tradições de cada ser nos remetem a compreender que somos instrumentos para a prática da universalização do evangelho sagrado em prática nos atos e sentimentos embutidos em cada coração no serviço de Deus.

Não importa o nome que se dê que ao Criador; e se determinada nomenclatura lhe faça crer mais, e se te faz obedientes às lições, e que te proporcione a fazer a vontade do Pai; já se cumpre o propósito maior. E não importa como se dirige a Ele, afinal ele sabe de todas as coisas, línguas e sentimentos. E o que nos unifica são as obras de respeito e amor, trazendo a caridade e a humildade como forma de expressar o melhor do Senhor em nós mesmos.

Obedientes são os privilegiados a viver a felicidade plena na graça do Onipotente cumprindo com fidelidade a sua determinação que não falha jamais ao sentido da salvação. Importante é compreender os irmãos que o Senhor nos proporciona a nos auxiliar neste rumo sagrado. O Criador é o que determina a nossa realidade e a justiça, mas será amparando nos irmãos de boa vontade que faremos de certo a vontade do divino. Os anjos que acompanham os seres na encarnação, e aqueles afins que comungam na eternidade conosco serão os apoiadores fundamentais no funcionamento da vida e nossa condição melhor para a habitação da felicidade. Não há progresso com o egoísmo e ninguém se elevará sem ter um irmão a conduzi-lo neste avanço que vem desde a família aos anônimos.

Tudo se transforma sob a determinação sagrada do Pai, temos a possibilidade de tudo se transformar, o que dependerá da condição da vontade que se emprega a vida para receber o repto. A razão de existir está na tarefa de ajudar sob o amparo de Deus. E saibam que não há o acaso e sim o plano perfeito, onde você, eu e todos fazemos parte. Nascer, viver, renascer tantas vezes quanto forem necessárias é a razão de tudo viver e reviver. E ao crer sem condições no Deus Criador entenderemos o motivo.

Dr. Bezerra de Menezes, escrito pelo médium Marcelo Passos.

10/07/2015

Nenhum comentário:

Postar um comentário