quinta-feira, 18 de junho de 2015

Aprendendo


                                                                                            
As escolas nos ensinam tudo, menos a viver. (Allan Kardec)


A existência é um eterno aprendizado, não há quem possa deter todas as informações que não necessite uns dos outros a elevar o seu conhecimento e aperfeiçoar as suas habilidades. O Criador oferta a vida como professor da alma a nos ensinar que podemos sim, sermos melhores a cada momento. A vida nos ensina na escola da inteligência a amplitude de nossa capacidade a ser aprovado na vida eterna.

Quando o estudante vai às aulas para obter o seu conhecimento, o professor lhe opera a didática e a facilidade para que o seu entendimento possa ganhar novos ares de liberdade e de novas oportunidades, assim com novas linguagens a fazer daquela determinada matéria o conhecimento de outros mais. É possível fazer nascer o conhecimento desde que tenham boa vontade consigo, e o que aprender tornar semente da vida e o que poderá formar novos frutos nos pomares da sociedade. E para ser possível, há a necessidade de cada um fazer a sua parte com disciplina tornando possível qualquer aprendizado.

Ao obtermos qualquer conhecimento temos a liberdade de ampliar a nossa capacidade e enriquecer todas as matérias aprendidas, temos a inteligência para fazer novas todas às coisas, mas como citado, há a necessidade da boa vontade e interesse para facilitar a vida em todos os aspectos. Aquilo que absorvemos de conhecimento prestado não deve estacionar nas informações adquiridas, se o desejo é de prosperar, em qualquer situação, é preciso ir à busca. Como no evangelho de Cristo, nele há todas as instruções para a nossa salvação, mas para tornar possível a graça é preciso tomar do conhecimento como ferramenta para as verdadeiras obras de elevação. Não bastar apenas ter um conhecimento teórico e ter a habilidade e a oratória de debater sobre qualquer matéria sem a prática, é preciso ação do que aprendeu a serviço do seu objetivo maior em qualquer instancia. O que adquirimos de conhecimento é nosso dever ensinar, pois recebemos de Deus o dom da inteligência para absorver o conteúdo e redistribuí-lo ao desconhecimento alheio para fazer da fraternidade divina a verdadeira oferenda de prosperidade.

Aprendemos com os pássaros diante do conhecimento, que fazem o seu ninho, botam o ovo até o nascimento de seu filhote, dá-lhe toda a assistência, o alimenta, ensina o necessário para poder viver e cumprir a sua missão, e após o filhote crescer e aprender o essencial voa para liberdade a adquirir novas instruções e ensinar o que aprendeu. E é assim que se forma a engrenagem da vida eterna, ao qual estamos inseridos neste importante processo de Deus ensinando e aprendendo.

Dr. Bezerra de Menezes, escrito pelo médium Marcelo Passos.

18/06/2015.

Nenhum comentário:

Postar um comentário