quarta-feira, 27 de maio de 2015

Desafios



O egoísmo é a fonte de todos os vícios, como a caridade é a fonte de todas as virtudes. (Allan Kardec).

Em meio às sujidades e durezas dos asfaltos surge uma bela e singela flor, pequena, tímida e despretensiosa, nasce para cumprir a determinação do Senhor, de viver e de exercer a sua função, em meio à casta da dureza é capaz de nascer a mais fascinante manifestação de vida.

Não incomum encontrarmos a dureza dos asfaltos no coração dos homens manifestado no egoísmo e nas várias demonstrações de inferioridade exposta da miséria humana contra o sentido maior de Deus que é caridade e o amor. Há sentimentos capazes de ofuscar parte de uma história de conquistas, dificultando aos seus indivíduos na maior parte da caminhada o retorno ao reequilíbrio existencial.

No instante em que há a possibilidade de uma bela flor nascer em meio à dureza das pedras, é possível que nasça vida de esperança nos corações rígidos. A graça é o dom de Deus atuando nos corações dos homens, e se a dureza persistir e as oportunidades desperdiçadas, a felicidade pode esvair-se e não se desenvolver conforme o proposito divino.

Ao manter pedra sobre pedra dentro do coração, a manutenção do mal continuará imperando na sociedade na revelação da intolerância, da impaciência, do ódio, do rancor, da cólera, da morte, da mentira, da zombaria, do egoísmo, da inveja, da enfermidade, do preconceito, da calúnia, da difamação, da ingratidão e enfim todas essas e inúmeros outros canceres são utilizadas pelo mal a depositar no homem a dureza dos corações e o impedimento em vislumbrar o melhor da vida nas pequenas coisas.

As enfermidades da alma conforme exposto é possível de cura, desde que os pacientes, ao quais todos estão sujeitos, permitam e sigam as instruções discriminadas no receituário da vida eterna, ou seja, amar uns aos outros, pois este é o melhor e o mais perspicaz remédio da cura para a alma e o coração. É no amor que encontramos vida e é nos corações resistentes que Deus quer adentrar e colocar a semente da vida para brotar a beleza, mas enquanto estes irmãos doentes não adquirirem o antidoto contra o anticristo, choros e rangeres de dentes permanecerão a atormentar a consciência e a caminhada.

De certo que todos os desafios são difíceis, afinal, Jesus enfrentou muitos obstáculos e até hoje enfrentar quanto ao desafio de poder nos salvar, como também já nos alertava de que a caminhada não seria fácil, mas esta é a única forma de se alcançar a salvação, superando os obstáculos com perseverança, determinação, disciplina, fé e muito trabalho e neste proposto que alcançamos os merecidos méritos.

Compreenda amados, se no momento você enfrenta alguma dificuldade em sua caminhada, e se está acometido por alguma enfermidade, do corpo ou da alma, acredite, Deus vai lhe ajudar, mas para isto e o mais importante é não desistir e não desperdiçar as oportunidades que lhe são ofertadas, mesmo que aparentemente possa parecer pouco, insignificante ao seu crivo e ou mesmo de forma singela, e lembre-se de que, uma simples e pequena flor é capaz de se destacar na sua mais cândida forma e beleza perante as pedras.

Dr. Bezerra de Menezes, escrito pelo médium Marcelo Passos.

27/05/2015.

Nenhum comentário:

Postar um comentário