quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Confiar em Deus





“Em todo instante, confio em Deus. No que faço, penso em Deus. Com quem vivo, amo a Deus. Por onde sigo, sigo com Deus. No que acontece, Deus faz o melhor. Tudo o que tenho, é bênção de Deus.” (Chico Xavier).



Por todos os lados há um sinal de Deus nos acenando e nos mostrando que tudo a nossa volta é fruto da sua vontade e que tudo que nos acontece e nos favorece é resultado desta vontade divina que traça o proposito da nossa purificação para a salvação eterna no reino sagrado dos céus.

Tudo ao redor se transforma conforme a sua vontade, na caminhada eterna vamos esbarrar com diversos irmãos que são porta vozes do Criador em forma humana nos mostrando que com boa vontade e persistência no coração podemos alcançar a confiança divina e fazer-nos instrumentos da sua vontade e em diversos ramos da vida planetária, onde entendemos que para sermos bons servos de Deus não necessitamos estarmos enclausurados e escondidos do universo que pulsa neste momento nos mais perversos encantamentos do maligno invadindo o livre arbítrio dos irmãos a fazer do seu submundo o reino do pecado entre os homens, e estes irmãos vem justamente para provar-nos que somos capazes de atingir o reino dos céus através da nossa conduta e que também podemos ser profetas de muitos irmãos espalhados pelo globo e a servir como exemplos de superação quanto a resistência das tentações que surgirem pelo caminho.

Somos responsáveis pelos rumos a se seguir e os únicos condutores do próprio caminho, onde Criador na sua infinita misericórdia e amor nos oferta o livre arbítrio justamente para caminharmos conforme nos convenie, seja por qual caminho decidirmos, ele nos respeitará mesmo que o sentido seja tortuoso, e neste mesmo sentido Ele estará com os braços abertos a ampara-nos e nos acolher no seu amor quando nos arrependermos sinceramente, e lembrando que mesmo se arrependendo dos males e voltando para o caminho do bem, haveremos de saldar todos os débitos que criamos, onde muitos destes arrependidos temem e creem que o caminho do bem seja mais difícil, mas não vislumbram a própria responsabilidade e de que havemos de saldar até o ultimo centavo de nossas dividas; conforme Cristo nos ensinou; para atingirmos a prosperidade eterna e sermos livres de toda forma pecaminosas, e se não fosse desta forma não seria justo com todos aqueles que são realmente fieis e obedientes ao Pai, e a estes pecadores bastariam fazer o mal e se arrepender sem qualquer consequência, desta feita não prevaleceria à verdadeira justiça, por isto a compreensão de que tudo que nos acontece não é por acaso, é simplesmente fruto de nós mesmos.

O mesmo sol que brilha para o justo reluz para o injusto, pois o Criador não os impede de desfrutar do seu reino que se inicia no planeta para que todos tenham a mesma condição de galgar a sua felicidade e merecer o reino dos céus, mas para isto sabemos que a nossa vontade é a única condutora desta realidade e das consequências das nossas escolhas pelo caminho, mas sempre há uma porta aberta para o caminho da eternidade, que é Jesus que nos convoca a seguir com ele rumo a Deus.

Seja qual for o seu problema, fale e confie sempre em Deus, ele vai lhe ajudar de todas as maneiras e sempre nos amparara nas quedas e nos confortará nos choros e nas tristezas, nos dará a certeza nas duvidas e a cura nas enfermidades, nos dará anjos de todas as formas a nos auxiliar nos momentos mais difíceis e nas nossas muitas dificuldades, como também nos dará o sorriso nas conquistas e a esperança do amanhã e nos dará a oportunidade para a salvação eterna através das beneficias ao nosso dispor por merecimento como o perdão e o amor e onde todos poderão compreender que nada e nem ninguém será capaz de seguir sozinho. E sem essa certeza no próprio espirito não haverá o refletir da luz, que sempre deverá estar acima de nós iluminando todos os ambientes e caminhos.

Para alcançarmos a plenitude da salvação em Deus não necessitamos somente dos sagrados templos religiosos espalhados pelo planeta nas suas inúmeras linguagens, para irmos até ele basta-nos querer e ser obedientes a sua vontade e amar uns aos outros como a ti mesmo começando por compreender a sua miséria buscando melhorar e reconhecer pela humildade de que somos todos iguais e entender que aquilo que nos é dado em excesso como o conhecimento e a matéria será do nosso dever amparar as necessidades alheias sem confetes e sem cobrar taxas de reconhecimento, afinal o que é seu por mérito encontra uma maneira de chegar até você sem precisar se corromper ou mesmo forçar uma situação inconveniente. Acredite sempre em Deus e não importa como venha vislumbrar a sua imagem, para isto basta ver refletidas em nossa imagem os gestos mais sinceros para com todo o bem e será onde se refletirá a sua verdadeira imagem.


Dr. Bezerra de Menezes, escrito pelo médium Marcelo Passos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário