quinta-feira, 25 de setembro de 2014

Saber Valorizar



Agradeço todas as dificuldades que enfrentei; não fosse por elas, eu não teria saído do lugar. As facilidades nos impedem de caminhar. Mesmo as críticas nos auxiliam muito. (Chico Xavier)

Em muitas situações os irmãos encarnados e mesmo os desencarnados necessitam enfrentar situações adversas à tranquilidade e a paz para construir em sua volta este império de prosperidade e saber valorizar cada conquista atribuída à força de vontade e a determinação para vencer e enfrentar todos e quaisquer obstáculos que o caminho possa oferecer nesta estrada que tem com meta a salvação e a permanência eterna na verdadeira paz e felicidade plena ao lado do criador.

E para quem não acredita em si mesmo pode realmente parecer impossível chegar a Deus no paraíso, e quem credita a frustração em si mesmo não há o que indagar ao Criador por tamanhas adversidades sem fim que a sensação impõe sobre sua existência.

Todo merecimento se conquista através do trabalho que esta entrelaçada em todos os gêneros da vida. Muitos irmãos ainda estão acostumados a crer que a felicidade e a recompensa estão no acumulo das riquezas perecíveis da economia em geral, acumular bens não significa a real recompensa necessária e suficiente do individuo na sociedade de Deus, pode até ser uma consequência, mas o caminho de construção não é limitado à matéria, a manutenção e a aquisição de benéficas naturais estão diretamente atreladas ao caráter que se molda por este caminho, muitas vezes se constrói sobre um novo irmão encarnado realidades contrarias ao bem, principalmente quando se usa de atributos errôneos a se destacar perante a comunidade humana, são muitas vezes facilidades que contrariam a ordem de Deus para com a fraternidade que havemos de comungar e ofertar dentro do universo de nossa real índole.

Vivem-se muitas almas no planeta expiatório a caminhada evolutiva por diversas vivencia, e há de serem impostas a cada um as experiências necessárias para se alcançar e merecer novos degraus sagrados e importantes para a manutenção da obra edificante de Deus nos atos mais sinceros e leais que podemos atribuir nossa existência a busca do merecimento que temos direito. Afinal, o que temos por direito conquistar? O que quiser, mas para isto é preciso fazer por merecer e para termos êxito a cada grão de mostarda atrelada a fé em tudo que se pratica e a conquista é a somatória de um resultado esperado. Mas quanto tempo se leva cada conquista? Depende exclusivamente do nosso desprendimento do pecado em suas inúmeras faces que vem para desviar-nos do caminho divino, é essas as dificuldades que todos os irmãos são chamados a vencer e a trabalhar para romper com essas armadilhas que o mal nos impõe a cada momento.

Ser um verdadeiro gladiador não é ser um vencedor nas lutas sangrentas arenas dos coliseus, pelo contrario, é ficar face a face consigo quanto aos desafios que lhe são afrontados e impostos, é lutar contra a vaidade que tenta fazer-se considerar o melhor e instigar a atropelar quem estiver a sua frente, é o orgulho impedindo de aliarem-se a irmãos ditos inferiores que não lhe possa trazer benefícios imediatos, é a busca incessante das riquezas materiais esvaziando todo conteúdo espiritual simplesmente por querer mostrar certos poderes que não lhe cabe nesta existência, é o egoísmo de não dividir as conquistas com quem lhe é importante e que poderá beneficiar uma sociedade, mas que por medo de doar o que lhe é dado de graça preferem guardar e deixar mofar tudo que lhe é dado para o uso ao bem comum. São essas as diversificadas situações que todos acabam enfrentando nesta existência e principalmente nos mundos de expiações que caminham para a regeneração que esta apenas a um passo, mas que infelizmente muitos prolongam por séculos e séculos o que lhe poderia ser resumido em pouco tempo com resignação, força de vontade e coragem para começar a mudar a própria realidade.

Nosso criador é divinamente sábio e nos permite recomeçar sempre a mudar nossa própria realidade, não vamos olhar para o outro neste momento, é importante cada um olhar para si e separar o seu joio do trigo e estando limpos poder se banhar no espirito de Deus nas suas bênçãos e poder atrair para si importantes conquistas e verdadeiramente ser um escolhido a arrebatar as multidões para juntos entrarmos no seu reino eterno.

A cada recomeço é como um papel em branco, recomeçar de novo trazendo as marcas das experiências é determinante para o trunfo nosso de cada dia, lembrando que a cada recomeço são novos desafios e antigas dificuldades que fará com que cada um possa ser instigado a mudar a sua realidade, é como o faminto que necessita pedir ajuda para saciar suas necessidades, tende ir em buscar da solução e a cada ida e vinda sempre encontrará as oportunidades para ter consigo um alimento essencial a sua existência e saberá valorizar o que e quem lhe estendeu a ajuda, certamente a degustação deste alimento será abençoado por si. É assim o nosso recomeço, viemos famintos e devemos ir em busca de saciar nossa fome, a cada auxilio e a cada vitória a realidade de ser humilde e buscando sempre o caminho da reconstrução para novas experiências sagradas e ainda podendo olhar para o regresso e ver o quanto se perdeu por não aproveitar as oportunidades que a todo o instante bate a porta de todos nós nos oferecendo o auxilio para engrandecer na presença de Deus de forma natural e merecedora de cada mérito pedido.

Nenhuma dificuldade que enfrentamos na realidade da existência é em vão, ou simplesmente ser um capricho de Deus, não, somos resultados dos nossos próprios atos e sentimentos que nos levam a realidade do momento e mesmo aqueles que nada de mal possa no presente da consciência lhe inferir tamanhas dificuldades, não se revolte contra o Senhor, simplesmente ele esta lhe dando novas oportunidades de crescimento e purificação a cada momento mais e para merecer ser um escolhido especial e também servir de exemplo a seu semelhante de que toda conquista atrelada a cada vitória dos obstáculos é fundamental para com o proposito divino de saber que sua fé é e sempre será maior que cada pedra do caminho, pois são essas atribulações que farão com que as experiências sejam o estimulante de que viver e vencer no bem é e será sempre um ato de amor.

Dificilmente um irmão que encontra facilidades no seu caminho alcançará um êxito pleno e satisfatório em pouco tempo na sua caminhada em face daqueles que lutam arduamente para mudar sua realidade impregnada de obstáculos e que precisam vivenciar e superar sempre, mas muitos destes ainda deverão enfrentar a realidade da existência e aquele que não se prepara, principalmente nas facilidades e não adquire para si o instituto da humildade, as lagrimas poderão ser correntes e a revolta aumentada junto à sensação de injustiça invadindo a consciência contra Deus e formando em si um irmão amargo e triste, onde cada ato e cada sentimento contrários a Deus prolongará sua caminhada e com mais obstáculos que aqueles que já os superaram e vive a paz construída e merecida. Todas as dificuldades impõe a cada um o desafio contra si próprio de superar determinadas armadilhas e vícios que impendem à própria caminhada, a vida ensina nas suas mais variadas lições que nada podemos ter se o próprio esforço não contribuir para a busca do sucesso e para a conclusão da obra que a cada momento levantamos em nossa existência.

Dr. Bezerra de Menezes, escrito pelo médium Marcelo Passos.






Nenhum comentário:

Postar um comentário