terça-feira, 1 de julho de 2014

Espalhando as sementes




O ciclo da floresta nasce e renasce com os animais que são os maiores responsáveis pela formação das diversidades ambientais e responsável pelo alimento do homem que se formam ao longo do planeta através da distribuição de sementes de frutos que trabalham para multiplicar sua oferta e proliferação da fonte sagrada de vida material que é o fruto e o oxigênio responsáveis pela vida humana.

Por onde encontramos uma fonte de vida lá estará certamente o sopro de Deus agindo e transformando tudo que há pelo nosso horizonte. Ele é a fonte da vida que se renova e que se transforma. Aonde sua inspiração e obra nos permitem o recomeço de uma nova era e de um novo sentido para o nosso caminho, de um novo ciclo para sempre nos elevar no melhor de sua oferta e a todo instante nos inspirando através da vida o sentido da salvação movida pelos próprios atos e sentimentos que devemos a todo o momento buscar o melhor em todos os sentidos.

Assim como a natureza todos somos renovadores da vida pela semente que nos é dado pelo Criador para distribui-la por este universo, somos sementes da vida de exemplos, de sentimentos e de obras que construímos pelo caminho da existência, afinal, não há um irmão incapaz de produzir vida e exemplos, mas o que ocorre com bastante produção é que muitos procuram colocar sua semente onde a vida é incapaz de brotar, muitos querem germinar no concreto, onde nenhuma inspiração de vida é possível.

Lembrando que todos que pavimentam e concretam a própria vida através do cimento impenetrável de qualquer testemunho de sobrevivência, haverá sempre por debaixo dessas camadas superiores e inertes de qualquer renovação positiva terras férteis que podem vir a qualquer momento respirar o primeiro instante de libertação desses obstáculos e deste abismo gelado dos preconceitos, da corrupção, da ingratidão e dos sentimentos avassaladores do espírito e de toda fonte mortal de depressão do maligno. E claro, para descobrir uma manifestação de vida aonde a morte é visível e real, é preciso buscar ali pupular a semente do progresso e da salvação, a dedicação, a persistência, a paciência e a tolerância deverão ser constantes até alcançar este objetivo final que é a vida eterna ao lado de Deus.

E é desta feita que Deus age sobre todos nós, seres orgânicos e inorgânicos detentores de vida, Ele não desiste e persiste conosco sempre, nos movimenta e oferece diariamente todas as oportunidades de renovação através do recomeço e do renascimento, assim como o sol nas extremidades do globo que renasce, brilha forte e sempre, mesmo que as nuvens da tempestade possa lhe fazer frente, mas o brilho e sua força são maiores e amplia seu horizonte e a sua luz penetra sobre essas barreiras e ilumina o dia nosso de cada instante a tornar-nos sementes e árvores frondosas capazes de produzir os melhores frutos.

É comum aos amigos do planeta está em conflito com a expiação da própria limitação e da fraqueza inerente da encarnação e da evolução peculiar, principalmente quando os limites são chamados à responsabilidade da prova de fé diante dos desafios da elevação da vida e confiança na obra do criador. Nenhum obstáculo é colocado em vão na vida dos filhos de Deus, todas as barreiras é a escola da superação e do trabalho para alcançar a desejada salvação, cada queda é a escola da purificação do espírito, sabemos que Deus não privilegia nenhum filho a mais que o outro, lembrando que riquezas, fortunas terrenas não corresponde à verdadeira busca da felicidade e privilégios divinos e muito menos as limpeza dos males, a cada um é dado à oportunidade de aprender como acessórios oferecidos, mas que não passam de um simples e insignificante apoio. A cruz que pesa sobre os ombros não é em vão e não é tão desproporcional e insuportável que não possa carrega-la, o que ocorre com muitos irmãos que não conseguem arrasta-la por muito tempo que na primeira fadiga e queda demoram a se reerguer e ficam a espera de um milagre do céu, aonde muitos se frustram com o pedido não atendido, desejando um resultado que não buscam e não fazem por onde ter o que é seu por direito e justiça, muitos querem a vitória sem luta e não procura a melhoria verdadeira para si o que Deus tanto oferece.

Milagres vêm conforme o verdadeiro merecimento e as condições para recebê-los e saibam que não há milagre sem obra e mérito. Mesmo seu filho, o escolhido Jesus Cristo, teve que suportar as fraquezas humanas sem privilégios, onde poderia está envolto de anjos e proteção constante e longe de todos os perigos e das injustiças que sofrera pelas nossas fraquezas e misérias, mas veio, trouxe sua boa nova, lutou e aceitou as nossas fraquezas e ignorâncias, e junto a Deus intercedeu o nosso perdão e nos mostrou o caminho da salvação, mostrando que nele está o único caminho, a verdade e a vida e que para chegar a Deus temos de passar por ele e colocar em ação suas lições, vencendo também os obstáculos sem pestanejar e bravamente elevar-se em cada degrau da evolução.

Toda essa crônica despretensiosa de confete vem com o pleito de trabalharmos, encarnados e desencarnados, com o objetivo de plantar nossa semente de superação na vida de outros irmãos, fazendo-se modelo de saúde espiritual e existencial tendo por instrumento as lições majestosas de Deus. De certo que somos falhos, mas completamente mutáveis para o bem, não são fáceis superar os limites do planeta de provas e expiações, principalmente aonde o mal é agressivo e perverso a todo o momento que toma o livre arbítrio de outros irmãos através das agressividades a nos atacar, mas aquele que permanece fiel às obras divinas e confiantes na fé e na salvação tem as armas suficientes para combater todos os ataques constantes do perverso e a força necessária para seguir com Jesus neste vasto campo de beneficias. Não vamos enxergar as obras de Deus com olhos humanos limitados, saibam que ela é muito mais ampla do que podemos crer e ao fazermos nossa parte com honestidade, obediência e buscando o tempo todo seguir os exemplos do Mestre, certamente haveremos nossa recompensa justa e verdadeira e se alguma dificuldade hoje toma conta de sua existência, independente da proporção que agride sua consciência, agradeça a Deus a oportunidade de purificação que tem para saldar os débitos e poder esta se elevando para mundos melhores, mesmo que a emoção de hoje não proporciona este entendimento.

Se tiver no coração o cimento áspero e se também não consegue penetrar no resistente concreto do coração de seu semelhante, não desista de ti e nem de teu irmão, confie na força divina e persista, assim como seu coração pode abrir-se para a fertilidade da vida, podes muito bem penetrar com sua raiz no coração rígido do outro e ali fazer com que brote o melhor de ti e busque também colocar em ti a todo o momento a semente da vida eterna de Deus das lições gratuitas de Jesus.

Dr. Bezerra de Menezes pelo médium Marcelo Passos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário