terça-feira, 17 de dezembro de 2013

Sentido do Girassol



Ainda que os olhos humanos tenham sido castigados, sua esperança estava cheia de imortalidade. Livro da Sabedoria. 3,4.

            Quando esteve entre os mortais Jesus não se propôs a solucionar todos os problemas da humanidade, veio para mostrar o caminho da salvação pelos seus vários exemplos e pelas vastas lições que deixou em nossos corações. E disse a todos que soa na melodia na nossa esperança “eu sou o Caminho, a Verdade e a Vida, ninguém irá ao Pai se não por mim”. Com esta afirmativa mostrou o que trouxe a humanidade é a estrada que devemos percorrer para alcançar o objetivo final, a salvação.

            Havemos de adotar em nossas vidas a postura do girassol a única vida que jamais dá as costas para a luz, ou seja, para o sol, este astro que ilumina todo nosso caminhar, a luz divina que afasta as trevas do caminho e mostra para onde seremos conduzidos sem o medo da escuridão. O girassol acompanha a luz para onde ela indica por isso que é o símbolo da esperança, da força e de toda a riqueza necessária para brilhar perante os olhos divinos a acender as trevas da humanidade.

            As responsabilidades que todos assumimos perante Deus, traz a máxima da qualidade efetiva do bem que devemos nos posicionar frente à realidade que vivemos. As experiências que vivenciaremos durante toda trajetória existencial será exclusivamente a nossa oportunidade de aprender a superar a nós mesmos, onde nos é apresentado o conhecimento da vaidade e do orgulho que o maligno impõe sobre nossa existência.

            Esses sentimentos do conhecimento desacerbados imperialista na humanidade é que afasta a luz da vida e dá lugar as trevas, a escuridão e a desesperança da salvação, diante deste conhecimento do maleficio é que ocorrem as guerras, as mortes, os assassinatos, os suicídios, a depressão, a raiva, o rancor, o ódio, a ingratidão, a cólera, onde irmãos atrasam sua evolução no progresso espiritual, muitos são levados a desviar sua reta e aventura-se em atalhos encantadores, mas obscuros do mal, o anti Deus na sociedade divina é o que desvia os cordeiros de Deus a retirar o pecado do mundo.

            O passado é determinante para o presente, assim como o presente é essencial para a qualidade do futuro e sua colheita prospera, quando é de conhecimento a realidade dos planos de Deus passando pelos diversos caminhos das experiências alcança-se a serenidade para resgatar todos os assuntos inacabados que devem ser preenchidos na existência.

Se os irmãos tem a oportunidade ao resgate, aproveitem ao máximo, se tem um trabalho que não é almejou, mas com ele mantem-se a dignidade agradeça e aproveite, se morar numa casa singela e sem nenhum conforto exclusivo, mas necessária para protegê-lo do frio da noite e da chuva torrencial, louve ao Senhor e lembre-se que sua sorte poderia ser o frio a chicotear a alma e tendo apenas as estrelas do céu como teto, se o alimento do corpo não é a ceia farta desejada, mas com ela sacia a necessidade e mantem a continuidade da vida, abençoe, pois os farelos dos porcos poderiam ser a realidade, se as vestimentas não forem das grifes badaladas do sucesso a cobrir o manto da alma, mas com as que têm forem comuns e que lhe atender nas necessidades e no cobrir do corpo com a mesma funcionalidade das melhores, alegre-se, pois a realidade poderia ser os farrapos, enfim irmãos caminhem como o girassol no sentido na luz e aproveite o calor aconchegante do amor divino a brindar a vida, pois o frio e o medo pertencente à realidade maligna traz a morte lenta e dolorosa do espirito.

E se o mal pisar em você e quiser destruir a flor do girassol, lembre-se de que essa fabulosa flor produz uma infinita vastidão de sementes que poderão ser plantadas em muitos jardins e continuar a seguir a luz. Mas se no primeiro obstáculo ou nos mais desafiadores desistir do progresso, como poderá merecer os jardins de Deus a nos cuidar com todo zelo de um jardineiro a amar todas as suas flores?

Às singelas formas de vida reluzem a verdadeira fonte da felicidade, pois ela não ostenta status vazios e sim o que de melhor pode ofertar que é o contorno de Deus a pincelar cada colorido o brilho verdadeiro da existência. Por isto irmãos não vislumbre com a magnitude grandiosa e visível e sim pelo que de verdadeiro poderá acrescentar na sua existência e fazer de todo o seu progresso o colorido divino.


Dr. Bezerra de Menezes, pelo médium Marcelo Passos. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário