terça-feira, 1 de outubro de 2013

O Renascimento da vida perdida



Israel viu a mão poderosa de o Senhor agir contra o Egito. O povo temeu ao Senhor e teve fé no Senhor e em Moises, seu servo. Êxodo. 14,31.

            O instinto primitivo ainda reina no ego e na vida de muitos irmãos que habitam o planeta, muitos ignoram a evolução e insistem em agir de forma retrograda a atual encarnação e entre esses instintos estão em um dos vários comportamentos condenáveis e perverso do ser como a vingança.

            É de total conhecimento que somos seres evolutivos e ainda longe da perfeita evolução a que almejamos no reino de Deus, havemos de trabalhar muito e evoluir dia após dia para merecer as melhores oportunidades e confiança divina em nosso ser.

            Encontramos diversos irmãos planetários enviados para reformar os sentidos e mostrar como a realidade do bem é instituto de bênçãos e o único caminho traçado pelo Mestre Jesus que nos mostrou o quanto havemos de lutar com as tentações diárias do mal e suas perversidades, entre elas a obsessão que atinge com muita frequência a vida de muitos irmãos que se perdem pelos encantamentos da historia.

            Erros são comuns em diversas etapas, é como uma criança que engatinha os primeiros andares e quedam-se até firmar os passos. Quantos irmãos ainda engatinham na evolução, tombam, levantam, e continuam a evoluir sem perder a esperança e muitas outras quedas serão necessárias para poder se firmar com segurança na existência.  

            Mas os instintos primitivos ainda faz faculdade na vida de muitos irmãos, que sentem o prazer do sofrimento alheio e se farta com as quedas inúmeras de seus semelhantes, em muitos momentos são irascíveis com a evolução e o erro alheio, o ego em sintonia com a vaidade e o orgulho transformam seres em vingadores diversos, o prazer de perseguir os ditos adversários faz com que irmãos cometam crimes absurdos e mesmo comprometem a própria encarnação a perder-se pelos erros excessivos cometidos pelo próprio sentimento e pela própria ação.

            A lei do mais forte, do mais poderoso e das forças diversas são cotidiano nos mundos inferiores, onde ainda a verdadeira escola de Deus não se faz presente, e as trevas é a realidade que faz parte do intimo de cada individuo, no planeta dos irmãos não se faz contrario, mescla-se o bem e o mal. Aparentemente o mal se mostra numa força dominadora, perversa e amedrontam os filhos de Deus que buscam as melhores escolas para sua evolução e busca através dos ensinamentos agregarem inúmeros outros irmãos a se perderem pelas estradas vitais.

            Os sentimentos e pensamentos de muitos irmãos em sua maioria são piores que as ações, onde faz com que o mal se apodere de seus instintos mais primórdios e acometam irmãos as piores dores, o sentir e o pensar são pesados em nossa existência, são elas as chaves das nossas ações, pode o pensamento e o sentimento não tomar formas, mas sua existência e a persistência na consciência trarão muitos atrasos na evolução, onde os insucessos na vida em muitos casos serão tratados com injustiça por parte de quem sofre as consequências, por ter a memoria mais que oportuna a esconder os próprios erros.

            Esses sentidos devem ser reformados e constantemente fiscalizados por todos os que possuem o instituto da consciência, os sentimentos diversos como a vingança, o ódio, a manipulação, o desejo de se sair bem frente às corrupções contra o bem, são a sentença ao próprio merecimento. Engana-se que somente as ações serão cobradas, ao contrario, é de nosso intimo que nasce às primeiras fontes de evolução, é como um fruto que nasce em uma árvore vistosa, se a sua semente nasce comprometida, pode a árvore ser a mais frondosa e a mais bela, mas se não for bem cuidada trará as piores doenças e consequências para a vida em um todo. E o que não significa que com cuidado especial, amor, dedicação e a medicação correta não recupere o que se iniciou comprometidos, pois a misericórdia de nosso Pai amado é para todos e podemos aflorar sempre o melhor, mesmo estando ofuscado pelas trevas do mal. Pois a luz de Deus rompe quaisquer trevas malignas prontas a perder-nos pelo vale das sombras e do sofrimento, basta encontra-la, começando pelo respeito a tudo.

            Muitos irmãos perdem as melhores oportunidades ao consumir para si sentimentos errôneos voluntários ao conhecimento. A prática do mal pode e como ocorre com bastante fartura ser ofuscada pelo encantamento de um bem estar passageira, uma força irreal, uma fortuna perecível da matéria. Importante saber que no reino de Deus os nossos irmãos não querem saber o que fomos e deixamos de ser e o que possuímos e conquistamos na matéria, seja as fortunas faraônicas e seja a melhor cultura, o que eles simplesmente quer de nós é o melhor de nossas ações e sentimentos construídos, simplesmente.

            Ainda há tempo para recuperar esse tempo estagnado, ao sentir que no caminho encontra dificuldades e o sentimento de injustiça faz imperar em seu coração, faça uma profunda reflexão e busque os medicamentos na palavra do Santo Deus e nas orações para a alma, que é capaz de curar todas as nossas enfermidades mais obscuras. Ao contrario da modernidade material que credita as obras de Deus e o instituto bem, do amor, da caridade como algo ultrapassado, demonstre o contrario, mostre com a prática como é fantástico viver o Deus moderno que nunca deixou de ser original em nosso intimo desde a criação de tudo.

            Não dificulte a própria existência, não pratique o mal praticado e muito menos o mal desejado não impeça a felicidade por sentimentos presos ao egoísmo, ao orgulho, a vaidade, desprenda da origem iniciada pelos erros. O discernimento é lei como também é o livre arbítrio, são eles que nos colocarão realmente aonde merecemos. E então? Desejam viver a paz ou na perturbação da consciência eterna?

            Dr. Bezerra de Menezes.

Um comentário:

  1. E lindo as mensagens e o dizeres sobre a vida perante a Deus Pai

    ResponderExcluir