terça-feira, 23 de abril de 2013

As diferenças dos iguais




           
            Somos todos frutos da criação divina e como tal nascemos perfeitos e íntegros, somos colocamos em determinados mundos para nos desenvolver, assim como uma semente jogada a terra para germinar e dar frutos para outros desfrutarem nossa sadia oferta.

            Durante a experiência existencial vamos nos deparar com criações divinas e irmãos páreos na criação e diferenciados nas aparências, estas diferenças nos é comungada para aprender a lidar com as diferentes formas da natureza.

            Iniciamos nossa caminhada igual, e com as etapas da evolução vamos experimentando novas e desafiadoras situações, como a que se vive no planeta, quantos irmãos vivenciamos as paginas da vida e todos com diferentes historias para continuar a escrever, aperfeiçoando-se a cada capitulo. O planeta traz estes desafios e muitos outros, entre eles as diferenças raciais, sexuais, intelectuais, sociais, conceitos, vidas orgânicas e inorgânicas, enfim, uma grande mistura entre os iguais se diferenciando em suas igualdades físicas e classes evolutivas.

            Não saberemos o sentido do outro se não sentir na própria existência a experiência de viver cada momento diferenciado, a providencia divina é tão sublime que nos permite viver todas as formas de vida, desde a semente à condição angelical, para isto haveremos de nascer a cada ciclo vital e habitar diferentes mundos.

            Antes de criticar seu próximo, exclui-lo pelas diferenças, viva por um instante a posição alheia e veja como se sentiria excluído e criticado pela forma que Deus lhe fez. Ao desdenhar, escanar, excluir, aniquilar, zombar seu próximo, estará não apenas fazendo mal ao seu semelhante, principalmente a si, como também desrespeitado a obra de Deus. Quem tanto diz amar a Deus não deve jamais causar qualquer mal a sua criação e muito menos causar embaraços, pois ao praticar este crime, estará também o credenciando a viver a mesma situação, eis uma das explicações para tamanha diferença planetária, um ciclo que era para ser evitado se realmente compreendermos, agradecermos e respeitar toda criação do Pai.

            Dr. Bezerra de Menezes
           
           
            

Nenhum comentário:

Postar um comentário