sexta-feira, 18 de janeiro de 2013

O Equilíbrio Ecológico




                O planeta se transforma a cada instante e o sistema ecológico é nossa fundamental fonte de energia e equilíbrio vital, não apenas material, fundamentalmente espiritual, não existe a fronteira da vida, existe sim por parte dos homens a divisão de poderes, de uma parte os homens e de outro a natureza.

                Esquece que as energias vibram ao contrario, não somos nada sem a natureza, ela é a fundamental parte do equilíbrio e das circunstancias vitais para a sobrevivência, engana-se que a natureza é somente mato e florestas, é acima de tudo nosso combustível, onde se inclui todas as fontes do equilíbrio, onde encontramos desde as plantas que nos oferece o oxigênio fundamental para vida, passando pelos insetos e terminando ao nosso encontro com a terra, quando nossos aparelhos canais se igualarão a fusão da vida orgânica do adubo.

                A natureza é uma fonte inesgotável de mistérios, quanto mais o homem tenta desvenda-la mais o enigma permanece, ou seja, não há como o homem querer explorar todas as criações de Deus, dentro da sua imensa curiosidade muitas vezes nocivas.

                A espiritualidade é a fundamental auxiliadora das funções orgânicas ao auxilio da vida, onde por meio de irmãos evoluídos nos envia a explorar a verdadeira essência e os benefícios para existência sem desrespeitar e matar a vida. Infelizmente a ganancia de muitos irmãos traz a destruição da fonte mais poderosa e de ligação da vida para com o altíssimo. Muitos adentram a casa da natureza e devassam toda sua energia e vitalidade, ao qual de pronto é respondido de forma justa assim como fora explorada. Entendamos que este revide não é punição, é justiça, ou seja, a natureza estará dando ao homem a resposta quanto a sua desobediência e desrespeito e não apenas a lei do mais forte.

                O equilíbrio passa por nossa obediência, nosso respeito para o que é de cada ser, se furta o que não nos pertence de certo que seu verdadeiro dono irá busca-lo. E a natureza principalmente adere-se ao respeito soberano, onde todos têm o seu direito sem ter que invadir o alheio, se respeitarmos ela não vira nos cobrar o que usurpamos.

                De tudo na natureza não se perde, apenas se extingue com a ignorância e o desrespeito dos seus malfeitores, nenhuma criação de Deus ao universo é criado ao mal, onde se inclui ate os animais mais selvagens, pois fora criado para manter o equilíbrio e aniquilar as forças malignas onde também se apropria de criações perversas ao veneno mais letal, a extinção dos bens divinos, incluindo a vida humana.

                Por isso irmãos seja o ponto fundamental de equilibro das fontes inesgotáveis de Deus.

                Dr. Bezerra de Menezes.




Nenhum comentário:

Postar um comentário