terça-feira, 27 de novembro de 2012

Sopro de Deus

Acostumamos a viver atrás das cortinas da vida em face as grandes agitações das metropoles e ganhos a vida material. O planeta nos permite edificar muitos imperios da materia e vazios espirituais.

Quando decidimos fechar nossas ventas as pequenas sensações de bençãos da vida edificante, deixamos de comungar com as benecias do nosso criador, sempre expostas ao nosso lado.

Um sorriso de uma criança, as peripecias dos animais, as belezas das flores, o convite do luar a comungar com os nossos amados, os ensinamentos do mestre Jesus no viver a humildade do reconhecimento do amor divino, em nosso corpo físico, tão perfeito quanto o sopro de Deus. Ame sempre.

Nenhum comentário:

Postar um comentário