sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Sempre vai haver solução




As obras do nosso onipotente senhor é tão perfeita quanto sua existência, nos abraça constantemente no encalço da perfeição e do amor essencial para nos conduzir a morada no Reino.

Sua onisciência é tão magnânima e misericordiosa que nos oferece sempre a oportunidade de consertar o que às vezes “estragamos” e voltar novamente rota da passarela da salvação.

Quando vamos ao arbusto colher frutos como o limão, imaginamos uma deliciosa limonada a refrescar, este fruto é muito acido e até mesmo limitado a sua consumação imediata, e para usufruir do seu liquido para que seja degustado, adicionamos ingredientes para que fique melhor.

Se desejamos alimentar-se se algo que nos é fruto de satisfação e até mesmo necessidade, logo encontramos a maneira de ter e consumi-lo; se estamos entristecidos logo buscamos algo a nos alegrarmos, enfim, tudo que desejamos podemos trabalhar para consegui-lo, se erramos sempre podemos corrigir, é a obra de Deus constantemente em atividade em nosso existir.

A nossa salvação também depende fundamentalmente das ações que praticamos, do que oferecemos no fruto do nosso ser, da nossa consciência e das construções que edificamos no mundo, para cada irmão temos o dever de elevar um edifício de boas praticas. Infelizmente não há como construir nossas ações em cada irmão, afinal mesclamos diversos sentimentos universais, mas algo fundamental que podemos ascender é nossa imagem perante todos.

Jamais tente ruir seu império em fronte as adversidades do mundo, ao contrario, quem trabalhar para isto, poderá esta se limitando a universos tão essenciais como sopro de Deus.

A nossa salvação e a nossa desobsessão do mal, inicia-se por nós, extirpando os maus instintos do ser. Há solução sim para crescer e salvar-se construindo nobres ações em nosso alicerce da alma. 

Dr. Bezerra de Menezes

Nenhum comentário:

Postar um comentário