sexta-feira, 9 de novembro de 2012

SEGUNDO MANDAMENTO




No segundo mandamento psicografado por Moises: Não usar o nome de Deus em vão. Este mandamento é um dos mais desrespeitado por quase toda humanidade, principalmente no que se referem às mazelas do mundo material, muitos atribui os acontecimentos a uma obra divina, seja principalmente situações negativas.
Quem nunca escutou as expressões: Deus vingará, ou Deus fará vingar, Deus pune e castiga, muitos espelham o Criador como a extensão do seu sentimento e da sua natureza, erroneamente esta consciência.

As providencias divinas são perfeitas na qualidade do bem estar e no ensinar a cada irmão a alcançar a evolução do ser, não nos pune, mostra e nos ensina com as lições diárias do caminhar. Todos passam por experiências designadas e atribuídas ao crescimento do ser e na prestação do auxilio e apoio ao seu semelhante. Pois não quem não dependa de ninguém. As profissões do mundo traduz muito bem a importância de cada ser para com seu semelhante.

Jamais queria traduzir a imagem do criador às fraquezas humanas, aos preconceitos impregnados no ser, nas interferências do pecado. A sua imagem deve e sempre devem permanecer na maravilha do que esta diante de todos na visão grosseira dos olhos materiais.

Não esconda em Deus a frustração e as fraquezas oriundas da própria colheita. Não use seu santo nome a liquidação, para traduzir as ações da  natureza humana.

Dr. Bezerra de Menezes

Nenhum comentário:

Postar um comentário