segunda-feira, 28 de maio de 2012

Pai e Mãe: Aproveitem.


A figura dos nossos progenitores é fundamental para o desenvolvimento de cada ser, quem é abençoado com a graça de guiar um ser à vida, recebe do criador a mais preciosa benção, a cibfiança,assim como Jose e Maria, foram confiados o filho do criador, assim devemos ver os nossos amados a essa Constância.

Quando nascemos somos recebidos com amor indescritível a ser medido por qualquer parâmetro de sentimento, e de qualquer ciência dos homens, um amor espiritual abençoando o nosso lar.

Ao longo do crescimento somos moldados conforme o amor e a proteção que nos despejam em nossas vidas, mas também desenvolvemos o nosso conhecimento universal e jamais deixando de basear nos ensinamentos passado. Há quem nasce no ceio familiar sem a figura física daqueles responsáveis pela vida que esta em desenvolvimento, seja pela separação temporária da morte, como pelas adversidades humanas e pelas limitações que a ocasião oferece.  Mas carregamos em nossa vida ingredientes dessa figura, quem teve a separação por alguns deles sofrida, não busque os motivos do fato, busque se amparar na vida que o pai celestial lhe proporciona, como todos parâmetros necessários para termos uma evolução abençoada. Muitos nascem e são separados imediatamente pela morte dos pais, onde outros seres em cumprimento a missão planejada pelo universo espiritual, são designados a moldar aquele ser humano, ou seja, ou pais do coração.

Toda figura que desenvolve o outro ser, seja os pais biológicos ou aqueles que por confiança são colocados na vida daquele que porventura se vêem desamparados pelo laços sanguíneos  são dignos do mais absoluto respeito.

A medida que crescemos nossos pais vão envelhecendo, perdendo a força física pelo avançar da idade, e jamais perde o amor que a cada momento perde, a preocupação para proteger, não perde a força do laço eterno, muitos vezes não compreendemos a sua preocupação e os confrontamos,  simplesmente pelo amor universal.

Muito desses confrontos levam ao abandono, levam as inimizades por não entenderem, pela incompreensão, pela intolerância, que muitas vezes é adquirida longe do seio sagrado, para desbravar o mundo é necessário compreender nossos amados pais, compreender que o mundo oferece obstáculos, oferecem armadilhas que somente o coração de amor é capaz de perceber.

Um dia partem da nossa convivência pela lei natural da vida, e voltam ao mundo espiritual, com missão cumprida, deixando para nós a responsabilidade de conduzir o bem na Terra. Mas ame-os sem fronteiras, aproveitem cada momento em aprender com sua evolução, valores capazes de perpetuarem na herança do caráter, do bem e do amor ao próximo, quando seu corpo físico começar a falhar, o ampare, quando suas mãos começarem a tremular, segure com firmeza, quando as vistas embaçarem, guie-os, pois eles fizeram isso por você sem reclamar e fariam quantas vezes necessitarem. Aproveitem ao Maximo. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário