sexta-feira, 4 de maio de 2012

Fora da caridade não há salvação

...

Quando fala-se caridade, logo visualizamos a ação do ofertar algo material a um irmão necessitado, não estamos errado em pensar nessa vertente, mas caridade é um vasto campo onde muitas vezes nossa visão limitada se prende do que realmente é caridade e o que há dentro deste universo, toda forma de servir é uma benção. Quando nos colocamos a disposição e o coração aberto à caridade, temos que nos desprender de muitas vaidades, entre elas: o reconhecimento pela prática, a promoção pessoal, elogios, preocupação para quem desdenha desse bem. 

Um homem bom trabalhador, profissional exemplar, é acometido por uma doença grave em sua casa através de sua esposa, que sofre de uma doença em fase terminal, logo a preocupação se reflete na qualidade de seu serviço, quem não conhece, diria que sua atitude esta de uma pessoa relaxada, descomprometida e até mesmo preguiçoso, é indiferente aos olhos de quem não conhece a sua real situação. A caridade deve agir no sentido em buscar conhecer o mundo daquele ser, o que aconteceu para que sua produção caísse drasticamente, e buscar compartilhar a sua dor e dizer palavras de conforto e não previamente condena-lo.

Na escola o aluno começa a decair nas matérias, seu rendimento cai, os colegas logo acham que isso faz parte do relaxamento e da malandragem em não estudar, não conhecem a limitação desse colega no entendimento da matéria, e o condena pela sua ignorância frente ao desconhecido. A caridade nesse sentido, deve agir no auxílio, quem detém melhor conhecimento, auxiliar aquele em dificuldade, estendendo sua atenção ao ensinar, pois uns tem maior facilidade na captação do que outros, pois esse que possui maior conhecimento e não há a caridade de auxiliar, poderá no futuro se vê diante da ignorância e não deparar com pessoas de boa vontade à esclarecer.

Um animal que esta faminto na rua, mal tratado, busca lutar pela sobrevivência através dos alimentos e encontram pela sua frente agressões de boa parte dos homens, os animais caminham para a evolução humana, são nossos irmão ditos "inferiores" que são dignos do nosso maior respeito, a caridade age nessa vida, auxiliando contra sua fome, contra a má saúde, pois os animais é criação de Deus, como são ditos  inferiores, os humanos devem mostrar sua racionalidade para que tenham uma vida digna.

Um sorriso que é dado a um irmão infeliz, é fluidos de caridade, uma palavra positiva a quem esta conquistando seu lugar no campo profissional, uma carona que oferece a um irmão que esta desprovido de condução mais ágil, defender a quem se sente injustiçado pela injustiça, paciência para com os enfermos, idosos, crianças, na ignorância do irmão no conhecimento, nas ações, dar de alimento a quem bate a porta em busca de sobreviver a mais um dia, tudo são prodígios de caridade, que se alastra por esse oásis que se forma a vida em nossa obrigação para com Deus que nos confiou a dádiva da vida.

Se desejamos um mundo melhor para se viver, começamos pelo universo da própria alma, buscando a salvação da existência.

...

Nenhum comentário:

Postar um comentário